Aprenda como utilizar o chatbot na sua estratégia de marketing

Por Luiz Fernando, | Categoria: Marketing Digital

Quando o assunto é utilizar o chatbot na estratégia de marketing digital, muitas dúvidas podem surgir sobre como realizar isso na prática para colher os frutos desejados. Os resultados possibilitados pelo uso dessa ferramenta vão desde a prospecção de clientes até mesmo a venda direta online.

Se você ainda não faz ideia do que estamos falando, continue lendo. Detalharemos os principais pontos sobre o uso do chatbot na estratégia de marketing. Confira!

Entenda o que é um chatbot

Chatbot vem do inglês “chat” (conversar) e “bot” (uma abreviação de robot, ou seja, robô). É basicamente um robô que conversa com você no ambiente virtual, procurando solucionar questões básicas que possam surgir entre o cliente e a empresa.

Alguns deles funcionam por meio de mecanismos simples de programação que procuram prever a rota de certas perguntas e respostas e, assim, esclarecer as dúvidas mais fundamentais dos clientes.

Outros, considerados mais “robustos”, contam com inteligência artificial e podem se tornar cada vez mais completos e inteligentes a cada interação que fazem. Esses, geralmente, são capazes de passar por todo o funil de vendas em uma conversa com o consumidor, por meio de um atendimento muito mais complexo e personalizado.

Conheça as vantagens do uso de chatbot na estratégia de marketing

Agora, que você já entendeu o que é um chatbot, podemos começar a enumerar as suas vantagens.

A capacidade em simular uma conversa humana real por meio de perguntas e respostas programadas, ou mesmo de forma mais sofisticada como acontece na inteligência artificial, permite que você adapte a linguagem do robô ao tipo de público que atende, às soluções das principais dores dos seus consumidores e à preparação de perguntas que ajudarão a segmentar os seus leads.

Tudo isso faz com que o chatbot seja capaz de:

  • coletar dados e insights de usuários: as perguntas feitas pelo chatbot poderão servir para otimizar os processos da empresa e do próprio robô;
  • qualificar leads: por meio dessa coleta de dados e insights é possível também segmentar os leads e encaminhar os mais propensos à compra;
  • aproximar o cliente da empresa: o atendimento sempre simpático, profissional e ininterrupto permite um fluxo muito maior de contatos;
  • melhorar o atendimento: com esse contato rápido, personalizado e constante é possível atender melhor um número maior de pessoas;
  • otimizar e acelerar o processo de vendas: dependendo da conversa e do interesse do cliente, é possível encaminhá-lo direto para a compra.

Como pôde ver, um chatbot é capaz de resolver muitas questões e otimizar vários processos de uma empresa. Porém, você não deve depender apenas dele para reforçar a estratégia de marketing da sua empresa e aumentar a lucratividade. Continue lendo e entenda um pouco mais sobre isso.

Continue valorizando o trabalho humano na estratégia de marketing

Ok, por meio do uso de chatbot você vai reduzir custos, resolver mais questões em menor tempo e, consequentemente, lucrar mais com isso. O dinheiro que seria utilizado com serviços como call centers ou mesmo profissionais de atendimento que teriam que ficar por conta de atender os clientes um a um, tornam-se praticamente desnecessários.

Todavia, se toda essa potência mercadológica que o chatbot possibilita não for acompanhada por um profissional ou time de marketing, as chances reais de lucro e crescimento poderão ser desperdiçadas.

Afinal de contas, os dados coletados, o desenrolar dos atendimentos e os resultados obtidos devem ser sempre supervisionados a fim de se obter uma performance cada vez mais assertiva e lucrativa para a empresa.

Se você gostou de saber como utilizar o chatbot na estratégia de marketing da sua empresa, assine a nossa newsletter agora mesmo. Temos sempre o melhor conteúdo em branding e marketing digital para o crescimento da sua organização.