As campanhas de Google Ads não dão mais o mesmo resultado, o que fazer?

Por Andrei W. Müller, | Categoria: Marketing Digital

As campanhas de Google Ads não dão mais o mesmo resultado, o que fazer?

A sua empresa já reconhece a importância da publicidade digital e investe há alguns anos em anúncios de Google Ads, mas ultimamente as campanhas não têm dado o mesmo retorno que antes.

Se você se identificou com a situação acima, saiba que a “falta de resultado” das campanhas de Google Ads podem ser causadas por diversos fatores. Desde a entrada de novos concorrentes no mercado (situação que encarece as palavras-chave) até a falta de planejamento e o uso inadequado da plataforma de anúncios.

Mas o que fazer em casos como este? Investir ainda mais dinheiro nas campanhas ou apostar em outras opções de divulgação?

No post de hoje você vai conferir os erros mais comuns que as empresas cometem no Google Ads e o que fazer para otimizar os anúncios do seu negócio nos buscadores do Google.

O que é Google Ads?

Antes de falarmos sobre os principais erros cometidos no Google Ads, vamos relembrar o que é esta ferramenta e como ela funciona.

O Google Ads, antigo Google Adwords, é a plataforma de publicidade do Google utilizada por diversas empresas para criar e exibir anúncios pagos na primeira página de resultados do buscador, dentro de sites parceiros (anúncios de display), no YouTube, no Gmail e até em aplicativos.

De maneira simplificada, com essa plataforma empresas de diversos tamanhos e segmentos podem pagar o Google para se destacarem nas pesquisas.

Mas, por que isso é importante?

Manter uma presença ativa nas redes hoje em dia é fundamental para a sobrevivência e o crescimento de qualquer negócio. Afinal, estima-se que somente no Brasil, 129,9 milhões de pessoa tenham acesso contínuo à internet.

E quando falamos de Google, os números são ainda maiores. O site é o principal mecanismo de buscas da internet, somando mais de 3.5 bilhões de pesquisas diárias em todo o mundo.

Esses dados expressivos reforçam a necessidade de investir em marketing digital e presença nas redes. Afinal de contas, a publicidade online, desde que bem planejada e executada, representa menos gastos em relação aos meios offline e bons resultados para a empresa. Por isso, o Google Ads é tão importante para impulsionar negócios, serviços e produtos.

Porém, a ferramenta não se limita apenas à criação e divulgação de anúncios. Através do Google Ads é possível atingir o público certo no momento certo, de maneira segmentada e mensurável.

Ou seja, com a plataforma as empresas são capazes de criar um anúncio para diferentes canais, alcançando os usuários no momento em que eles procuram por serviços ou produtos similares.

Com base em uma série de configurações dentro da ferramenta o anunciante determina a região em que deseja exibir o anúncio, qual público pretende atingir, quais palavras-chave irá adotar, entre outras questões.

O uso correto do Google Ads representa, portanto, um investimento em audiência qualificada para os mais diversos negócios.

As campanhas de Google Ads

Como já comentamos, o Google Ads permite que um anúncio seja veiculado em mais de um canal, ampliando as chances de impactar ainda mais pessoas.

Os tipos básicos de anúncios que a plataforma oferece são:

  • campanhas de rede de pesquisa: anúncios em forma de texto, exibidos nos resultados de pesquisa do buscador Google. Normalmente em destaque no início da página, eles são identificados como publicidade através da legenda “Anúncio” antes do título. Os anúncios na rede de pesquisa são exibidos sempre que o usuário buscar pelas mesmas palavras-chave determinadas pelo anunciante no Google Ads. A empresa só paga pela publicidade quando a pessoa clicar no link do anúncio.
  • campanhas da Rede de Display: normalmente anúncios em forma de imagem que são exibidos dentro de diversos sites, blogs e noticiários parceiros do Google. Os anúncios gráficos podem trazer promoções, informações sobre a marca, comunicados de ações, dentre outros conteúdos. As campanhas da rede de Display podem ser utilizadas de diferentes maneiras, como em banners, no formato de texto, na caixa de entrada do Gmail e em aplicativos.
  • campanhas de vídeo: anúncios em vídeos, exibidos no YouTube antes ou durante a reprodução do conteúdo original. Nesse formato de campanha o anunciante só paga se os usuários interagirem com o anúncio.

O Google Ads também oferece opções “mais avançadas” de publicidade online, como campanhas de shopping, para a exibição de produtos, e campanhas para apps, para a divulgação de aplicativos.

Erros mais comuns no Google Ads

Agora que já falamos sobre o funcionamento do Google Ads e os tipos de campanha que ele oferece, é hora de trazer os erros mais comuns que os usuários cometem na hora de criar um anúncio através da ferramenta.

Afinal de contas, para não perder dinheiro e aproveitar todo o potencial do Google Ads, é preciso entender as funcionalidades da plataforma e conhecer algumas estratégias para a criação de anúncios.

Descubra agora porque as suas campanhas de Google Ads não entregam mais o mesmo resultado:

1 – Segmentação de público desprezada

Uma das maiores vantagens do Google Ads é a possibilidade de criar uma ação de publicidade segmentada para um público-alvo específico. Isso ajuda a empresa a divulgar no momento certo o produto ou serviço que o usuário está buscando.

Contudo, ao desprezar a função de segmentação que a plataforma oferece, o anunciante estará perdendo tempo e recursos, mesmo que o anúncio esteja bem elaborado. Afinal, de nada adianta comunicar um produto para pessoas que não consomem e muito menos possuem interesse nessa mercadoria.

Para evitar que isso ocorra em uma campanha, é fundamental estruturar a segmentação de público através dos filtros de visualização do Google Ads.

Esses filtros exibem os anúncios de acordo com:

  • dados demográficos: para determinados sexos, faixas etárias e regiões em que a marca teve um bom desempenho;
  • palavras-chave: para termos que possuem relação com um público com altas chances de engajamento;
  • remarketing: para usuários que já interagiram com a marca e podem voltar;
  • público semelhante: para pessoas com características similares às do público do remarketing.

O ideal, portanto, é buscar sempre que a campanha seja exibida para as pessoas certas, no momento certo e no canal mais adequado.

2 – Escolha ineficiente de palavras-chave

As palavras-chave ou keywords, basicamente são os termos que as pessoas pesquisam durante uma busca no Google. Através dessas palavras é possível identificar quais usuários têm maiores chances de interagirem com o anúncio. Por isso, apostar nas palavras-chave certas para uma campanha representa grande parte do sucesso ou fracasso dela.

Investir em um anúncio com palavras ambíguas, rasas e que não representem os termos pesquisados pelo público-alvo não trará resultado algum para a empresa. Pois a campanha nem sequer chegará aos usuários destinados.

3 – Baixo índice de qualidade

O índice de qualidade (IQ) é a maneira do Google classificar os anúncios. O IQ de um anúncio é formado pela taxa de cliques ou CTR (quantidade de cliques dividida pelo número de vezes que ele foi exibido), pela relevância do anúncio para a pesquisa e pela qualidade da página de destino (para onde o link do anúncio leva).

Com uma nota que varia de 0 a 10, classificações de anúncio mais altas levam à melhores colocações. Já uma classificação baixa significa pouca visibilidade e menos chances de atingir e converter o público.

4 – Foco apenas no fundo de funil

Usuários que se encontram no fundo do funil de vendas já entenderam a necessidade que possuem e estão prontos para tomar a decisão de compra.

Essa classificação de leads para o fundo do funil é o grande objetivo das estratégias de marketing digital e publicidade online, porém, investir em anúncios somente para esse público é um erro comum dos anunciantes.

Como grande parte das pessoas que visualizam um anúncio no Google fazem parte de topo ou meio do funil, elas ainda não estão neste momento de decisão de compra. Logo, um anúncio próprio para fundo de funil não será eficiente para esse público e não trará as conversões esperadas.

5 – Resultados não mensurados

Após a ativação da campanha, é fundamental acompanhar seu desempenho e mensurar os resultados. Afinal, é essa análise que irá apontar se ela foi bem sucedida e pode continuar ou se precisa de ajustes e correções.

Manter um anúncio ativo sem acompanhar seus resultados pode representar um significativo desperdício de dinheiro e trabalho.

Por meio do Google Analytics, software de análise do comportamento de usuários na rede, é possível acompanhar os números e definir novas métricas e otimizações para a campanha, caso seja necessário.

Como melhorar as campanhas de Google Ads?

Como você conferiu, o Google Ads é uma ferramenta extremamente útil quando o assunto é publicidade online. Se bem usada, a plataforma para a criação de anúncios de links patrocinados pode até se tornar um canal para a captação de clientes.

Apesar de ser uma ferramenta disponível para qualquer pessoa, o Google Ads possui diversas opções de anúncios — dos mais básicos até os avançados — que precisam ser configurados da maneira correta para trazerem resultados relevantes.

Além disso, as campanhas de Google Ads necessitam ser constantemente monitoradas e analisadas. Questões como ROI, taxa de conversão, leads captados, etc. devem ser avaliadas por profissionais especializados.

Afinal, cometer determinados erros ao elaborar e ativar uma campanha pode representar a perda de investimentos e tempo de trabalho.

Para não correr esse risco na sua empresa, invista em uma agência especializada em marketing digital e estratégias online.

Contar com os profissionais certos torna o seu negócio mais visível para o público-alvo, transformando potenciais usuários em clientes efetivos.

A agência de marketing digital TNB.studio é autoridade quando o assunto é geração de leads para a sua empresa.

Especialista em estratégias de Inbound Marketing, a TNB.studio encontra as melhores soluções de acordo com as necessidades específicas do seu negócio.

Para saber como a TNB.studio pode alavancar a presença da sua empresa nas redes, agende uma consultoria gratuita e veja os resultados que o marketing digital estratégico pode trazer.

Com a TNB.studio você conquista os resultados desejados!