Taxa de abertura do e-mail marketing: como saber se está saudável?

Por Luiz Fernando, | Categoria: Marketing Digital

Obter uma boa taxa de abertura do e-mail marketing é um resultado que demanda uma estratégia sólida e a escolha das ferramentas certas. Isso porque, dentro do Inbound Marketing, o e-mail marketing é um canal que permite criar um vínculo com potenciais clientes e fortalecer a relação com consumidores mais antigos.

Ambos os fatores demonstram que essa é uma estratégia que permite um alto alcance e, se for utilizada da forma correta, pode trazer bons resultados. Ela também é conhecida pelo seu grande poder de personalização e pelo custo reduzido que apresenta.

E para você entender o quão importante é a taxa de abertura do e-mail marketing, como saber se ela está saudável e o que deve ser feito para melhorá-la, basta acompanhar as explicações abaixo!

O que representa a taxa de abertura?

A taxa de abertura do e-mail marketing pode ser entendida facilmente, pois ela representa exatamente o número de pessoas que abriram os e-mails enviados pela sua empresa.

Em um exemplo simples, se 200 pessoas abriram seus e-mails dentre 1000 enviados, a taxa de abertura é de 20%. Aliás, essa é uma média considerada padrão quando se quer definir uma taxa de abertura como saudável.

É claro que, em alguns segmentos, esse valor pode variar, chegando em muitos casos a uma média de 30%.

O que deve ser analisado?

Para saber se a taxa de abertura do e-mail marketing está saudável, é preciso integrar o serviço de e-mail marketing com outra plataforma, como o Google Analytics, por exemplo. Isso permite verificar de onde saiu o tráfego e qual porcentagem se originou da abertura dos e-mails.

Alguns pontos que precisam analisados constantemente para conferir se a taxa de abertura está saudável, são:

  • crescimento da sua base, o que aumenta o número de e-mails que precisam ser abertos para que a taxa definida seja alcançada;
  • a taxa de rejeição, pois esta representa o número de e-mails que não chegaram até os destinatários, fator que, se ocorrer de forma crescente, prejudica a taxa de abertura.

Quais melhorias fazer?

A partir do momento em que se verifica que uma taxa não é saudável, determinadas melhorias podem ser feitas. Vamos a elas:

Oferecer conteúdos ricos

O valor que você entrega em seus e-mails é um fator preponderante para o sucesso da estratégia. Se em dois e-mails seguidos um usuário não se identificou com o conteúdo enviado ou os achou pobres demais, a tendência é que ele não abra mais as suas mensagens.

Por isso, é importante focar na criação de conteúdos ricos, que sejam de interesse da persona e que possam agregar valor ao dia a dia dela. Dessa maneira, os usuários não só abrirão mais os seus e-mails como irão esperar pela chegada deles.

Criar títulos mais persuasivos

Os títulos são muito importantes para gerar uma boa taxa de abertura do e-mail marketing. Eles funcionam como uma espécie de gatilho para gerar curiosidade ou urgência, elementos que fazem a pessoa abrir o e-mail no mesmo momento em que o recebeu.

Sabendo disso, não se pode trabalhar com o conceito de que títulos são uma mera formalidade, e sim desenvolver uma estratégia para criar títulos que possam de fato chamar a atenção do seu público.

Refinar a base de e-mails

Refinar a base de e-mails, especialmente no que diz respeito à segmentação, é uma prática necessária para melhorar a taxa de abertura do e-mail marketing. Por meio dessa ação, cria-se uma lista confiável e com pessoas mais interessadas no seu negócio.

Esse é um processo que começou lá atrás na definição geral da persona para a estratégia de marketing e precisa ser constantemente refeito, pois as preferências dos clientes mudam.

Um potencial cliente anterior pode não ter os mesmos anseios hoje, o que exige o constante aperfeiçoamento da persona ideal, ação que impacta no processo de segmentação da base de e-mails.

Valorize e aplique essas dicas, pois elas são fundamentais para ajudar a sua empresa a obter uma taxa de abertura de e-mail marketing melhor e com isso alcançar excelentes resultados.

Para receber outras dicas bacanas como essas diretamente no seu e-mail, assine a nossa newsletter. É gratuito, aproveite!